10 dicas de leitura para o Dia Nacional do Livro Infantil

10 dicas de leitura para o Dia Nacional do Livro Infantil

Você sabia que neste 18 de abril é comemorado o Dia Nacional do Livro Infantil? A data é em alusão ao aniversário do escritor brasileiro Monteiro Lobato, que escreveu vários clássicos da literatura infantil no país, como ‘A Menina do Nariz Arrebitado’. O livro fez taaanto sucesso, que deu origem a outros personagens que fazem parte da infância de muita gente, como a Dona Benta, a boneca Emília e por aí vai.

Já que hoje é uma data especial, separei 10 livros que eu a-d-o-r-o para que vocês também façam várias viagens e conheçam novas culturas e histórias através da leitura. Os autores são nacionais e apostos que vocês também vão amar <3

1 – Bucala : a pequena princesa do quilombo do Cabula – Davi Nunes

  • O livro conta a história de Bucala, que é princesa do quilombo Cabula. Ela gosta de brincar com os animais da floresta e adora ouvir as lendas e histórias do seu povo, contada pelo ancião do quilombo.

 

2 – Flicts – Ziraldo

  • Flicts é uma cor rara, porém triste, sem amigos, que não encontrou outras amizades nas cores do mundo. O livro de Ziraldo conta como a cor foi para longe, para o alto e como ela se encontrou neste novo ambiente.

3 – Marcelo, Marmelo, Martelo – Ruth Rocha

  • A obra relata um pouco do universo infantil através da esperteza e impasses dos três personagens. Marcelo gosta de criar novas palavras, Terezinha e Gabriela descobrem quem são através das diferenças e Carlos Alberto compreende que a amizade é fundamental.

 

4 – O Menino Maluquinho – Ziraldo

  • Sucesso entre as crianças dos anos 1990 e 2000, o Menino Maluquinho conta as travessuras desse garoto esperto e muito travesso, que aprontava bastante, mas sempre tirava boas notas.

 

5 – Breve história de um pequeno amor – Marina Colassanti

  • A autora conta no livro quando encontrou um ninho com filhotes e pombos. Ao decorrer da obra, é possível acompanhar a evolução e o crescimento desta história. Como o próprio título sugere, esta é uma saga de amor, paciência, preocupação e orgulho.

 

6 – Malala, a menina que queria ir para a escola – Adriana Carranca

  • Malala dispensa apresentações, mas no livro-reportagem de Adriana Carranca, podemos conhecer mais dessa #girlpower que luta pela educação feminina no Paquistão.

 

7 –  Poemas da Iara – Eucanaã Ferraz

  • Iara é uma sereia que vive no fundo de um rio e o seu canto encanta a todos que já tiveram a oportunidade de ouvi-lo.

 

8 – Bisa Bia Bisa Bel – Ana Maria Machado

  • A autora escreveu este livro com saudades das suas avós e não tinha ideia da identificação que iria gerar nos leitores! A história fala sobre as descobertas de uma menina e suas avós.

 

9 – Reinações de Narizinho – Monteiro Lobato

  • O homenageado da data não poderia ficar de fora desta lista, não é? Este livro é a reunião de onze histórias que Lobato escreveu na década de 1920. Nasceram entre essas histórias a Narizinho, Pedrinho, o Visconde, Rabicó, Tia Nastácia, e, a boneca Emília, responsável por todas as travessuras da turma.

 

10 – A Bruxinha Atrapalhada – Eva Furnari

  • Este livro conta a história da Bruxinha de um jeitinho muito interessante: sem palavras, usando apenas imagens! A Bruxinha é suuuper atrapalhada e pode realizar desejos usando a sua varinha mágica, mas com consequências muito engraçadas retratadas em dez histórias ao longo da obra.

Dica para uma melhor experiência literária:

Eu amo sentar no sofá e passar horas lendo! É uma das minhas atividades favoritas quando não estou na escola. Escolha um local calmo, sem grandes interferências de outras pessoas e de preferência onde você possa estar confortável.

Compartilhe! ^-^


Comente muito!!



slide1-2018
slide2-2018